sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Puro prazer


Imagem: Sombra (da net)
Li agora e apeteceu-me partilhar. Deleitem-se.


Há dias em que a sombra
engole a janela, a árvore, o céu.
Há dias de abandono e breu.

Há dias em que se senta, se espera,
se dorme,se respira o desarrumo,
o desaprumo,
o desnorte.

Poesia de Maria Sofia Magalhães , do livro "A sombra que somos"






3 comentários:

DuSinho disse...

Há dias em que a sombra nos persegue msm qd não há uma ponta de sol e mesmo qd n qremos ser assim perseguidos!!!

Finalmente encontrei-a! A importância de um pormenor..."de".

Assim tb se passa na vida, os pormenores fazem a diferença.
Obgd por iluminar as minhas aulas c esa luz q irradia de si.

bjinhos, Eduarda

(o meu blog está inactivo, n lhe ligue pq n vale a pena)

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Oh Dona Gata, nem sei que dizer!

Donagata disse...

Eduarda, ainda bem que acabou por me encontrar. É verdade, veja lá a importância do "de".
Fiquei até sem jeito quando me agradece por lhe iluminar as aulas. É que eu tenho sempre algum receio de lhas estragar e, por isso, até me refreio um pouco, mas são sempre um prazer.
Um grande beijo. Até 2ª feira.

Sofia, não digas nada, escreve sempre assim para nosso deleite.
Jokinhas.