quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Brincar com as palavras


O sobreiro

Além
Sobre aquele sobreiro
Na sobretarde
Paira só
Uma nuvem
Sombria
Uma só nuvem
Sóbria
Sobressorvida
Parada
Sobre o sobreiro
Donagata em 29/09/2007

2 comentários:

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Dona Gata, gostei muito.

DuSinho disse...

tb gostei..
m sinto-o cm um poema frio, parco nas palavras...triste!

q n seja o espelho da sua alma esta minha interpretação!

bjinhos

p.s.dp tenho d lhe contar uma novidade...ainDa dou em doida :)