quarta-feira, 13 de maio de 2009

Porque recordar é preciso....



Victor Jara (28 de Setembro de 1932 - 16 de Setembro de 1973)

Músico, compositor, cantor, encenador, professor universitário e, sobretudo, paladino internacional da música de intervenção e protesto.

O golpe de estado perpetrado por Augusto Pinochet contra o governo de Salvador Allende (democraticamente eleito), no dia 10 de Setembro de 1973, apanha-o desprevenido na Universidade como a outros professores e alunos.

É levado para o Estádio Chile (hoje Estádio Vítor Jara) que havia sido provisoriamente convertido em campo de concentração, onde, durante quatro dias sofre sevícias várias (inclusivamente mutilaram-lhe as mãos), até ser assassinado no dia 16.

É bom que uma vez por outra nos venham à memória casos como estes que convém não esquecermos NUNCA!

1 comentário:

BlueVelvet disse...

Tens toda a razão.
É bom lembrar, de vez em quando, porque a memória de alguns é curta.
Beijinhos