quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Tango Argentino no seu melhor




Este vídeo foi-me enviado pela minha professora de Tango Argentino, Inês Tabajara (e dançarina também), como sendo o seu par preferido neste tipo de dança.

Obviamente que se refere apenas aos profissionais, porque no que diz respeito aos amadores, eu e o meu Gatão, sem margem para dúvidas, estamos verdadeiramente muito à frente. É que é mesmo já outro nível.

Qualquer comparação é francamente desnecessária (inconveniente, até) pois não queremos colocar em risco o ganha-pão de ninguém.

A única coisa em que eu estou disposta a admitir que é melhor no vídeo, é o vestido. Francamente tenho descurado um pouco esse pormenor. Contudo, face à evidência da sua importância, irei brevemente providenciar no sentido de obviar essa situação menos cuidada até agora.


16 comentários:

nuvem disse...

O seu sentido de humor está melhor que nunca! Que post tão giro :)

Soube-me bem este riso inesperado numa hora já tardia. Fiquei menos só.

Beijinhos

Donagata disse...

Ainda bem que lhe soube bem. Gosto que os meus posts ponham as pessoas bem dispostas. É que assim também eu fico satisfeita.
Beijos.

Anónimo disse...

Ola Sra Donagata :)
Muito Lindo !
Quando estive na Argentina pude assistir a varios Espectaculos de Tango ... na rua ou em casas para o efeito !
Considero uma Dança muito sensual , algo para se fazer com a pessoa q se AMA !...
Quem sabe ... ainda me vai ver aprender a dançar o Tango :) ...

Beijo , Anibal Borges .

Sofia Loureiro dos Sants disse...

Donagata, vê isto: http://www.youtube.com/watch?v=rj6rCbUcnxc&feature=related

Donagata disse...

Sofia, esse gosto especialmente da música. É dos meus preferidos. Nós também o "dançamos". Aliás os artistas quase que o dançam tão bem como nós. Assim é que é.
Beijos e espero que já estejas desvirada.

Donagata disse...

Então, Aníbal e porque não? É muito giro de qualquer forma mas, realmente, tem outro sentido com a pessoa amada.
Beijos

antonio - o implume disse...

Ora... com um bocadinho de prática!

Donagata disse...

É, um bocadinho de prática , muitas pernas enganchadas umas nas outras, muito trambolhão, muita torção, muitas figuras tristes e estamos prontos a começar a aprender.

Ah e last but not the least, um vestido glamoroso, que não tenho e uns sapatos de 10cm de salto que já tenho mas que tenho medo de com eles cometer suicídio.

Só visto!

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Estás em obras aí em casa? Até que está a ficar bem giro!

Donagata disse...

É para ver se fica mais espaçoso. Assim um pouco mais parecido comigo...
É que quando os textos são um pouco maiores ficam com um aspecto muito estranho. Estou a experimentar, mas penso que assim ficarão melhor.

Mar Arável disse...

Apetece miar

na pista

com Piazzolla

ou mesmo em silêncio

despidos de tudo

para não sermos roubados

Anónimo disse...

Esse apoio à pobre da sofia é engraçado, mas quando ela coloca fotografias de sindicalistas e a descascar neles já não há problema. É um conceito de democracia engraçado

Donagata disse...

Uma coisa será, na minha opinião, colocar fotografias de sindicalistas que, como tal, se expõem perante a comunicação social manifestando, nas suas intervenções, as suas exigências que, obviamente, devem coincidir com as da classe que representam. Penso que o objectivo é mesmo esse:serem citados, publicitados, comentados... Democracia é permitir-nos estarmos ou não de acordo com o que os ditos senhores dizem, publicando ou não a sua fotografia, citando ou não as suas intervenções e criticando-as de acordo com a NOSSA PRÓPRIA OPINIÃO.

Ter a preocupação de andar à procura de uma fotografia (algo que me soa a atitude pidesca, sou desse tempo, sei o qu isso foi) de uma pessoa que não se expõe em termos de comunicação social e que se limita a discordar das opiniões manifestadas por esses sindicalistas e pela forma como este processo está a ser gerido, publicá-la, emitindo opiniões gratuitas acerca do carácter e da sensibilidade da pessoa em questão sem que se conheça, apenas porque estamos em desacordo com as suas opiniões, lamento, mas não se insere no conceito de democracia que defendo e pratico desde sempre.

Já agora apenas uma pequena informação. Sou professora e não concordo inteiramente com as opiniões da Sofia bem como também não estou de acordo com algumas das estratégias dos professores.
Contudo, quando manifestadas com seriedade, procuro entender e respeitar as diversas opiniões que é o que muita gente, infelizmente, não sabe fazer. Ou seja, por definição, se não estás a meu favor, estás contra.

susana disse...

Onde é que eu já vi este filme?

susana disse...

Este vídeo dá-me cabo da auto-estima...

Donagata disse...

Eu acho que já nem tenho disso!