sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Poesia in Progress


Mais uma sessão de “Poesia in Progress” e mais um êxito a dever-se, como sempre ao empenho e à devoção da Dina (da Poetria), bem como aos seus incondicionais colaboradores.

Desta vez o tema foi a poesia brasileira e tivemos oportunidade de ouvir, dita de formas diversas, poetas como Vinícius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Olavo Bilac, Chico Buarque de Holanda, Cecília Meireles, Manuel Bandeira, Murillo Mendes, Adélia Prado, Paulo Leminski e muitos outros, num ambiente descontraído e agradável como já vem sendo hábito nestas sessões.

O evento foi acompanhado à viola pelo jovem Joaquim Bustos.

E assim se passou mais uma noite de forma saudavelmente agradável.

É preciso referir que é preciosa a colaboração do café Progresso, cuja gerência está sempre pronta a participar na divulgação de eventos culturais de diversas índoles. Além disso tem uns crepes que são óptimos acompanhamentos de poesia ou de música; São crepes culturalmente evoluídos…

4 comentários:

susana disse...

Oh! Estou tristinha... Eu estava de férias? Eu também queria ir...

Donagata disse...

Não sabia. Vai para a próxima que é sobre poesia mexicana.
E na outra a seguir, que é sobre Jorge de Sena, eu também devo ir dizer alguns poemas, ou cartas ou seja lá o que for que querem que eu diga.

Mas eu prometo que passo a avisar.
Beijos.

susana disse...

Linda!
Eu ainda não tive o privilégio de a ouvir, tirando os dois primeiros versos do camões na última aula de hidro!

Donagata disse...

Muito a propósito, diga-se de passagem...