terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

ACRÓSTICO

(Imagem: máscara renascentista)
Cada vez que, em cada ano, regressa esta
Alegria imposta e aprazada, cresce em mim uma
Revolta, uma vontade de mostrar a
Náusea que me provoca toda esta
Alegria fabricada, encomendada por medida
Vestida sobre a mágoa, a desilusão,
A rotina da vida que se escoa
Lenta e implacável...



Donagata em 2008/02/05

2 comentários:

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Exactamente. Gostei muito.

Clara Branco disse...

Alegria imposta e fabricada! Isso mesmo!
bj