quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Recordar é viver!



Mais uma vez uma música que me traz à memória recordações muito boas. Era obrigatória, várias vezes, nos nossos bailes de garagem durante a minha adolescência e até pré-adolescência que organizávamos sob qualquer pretexto.

E quando digo organizávamos, é mesmo assim. Aquilo requeria esquemas muito cuidados, sobretudo nas estratégias que encontrávamos para conseguir convidar apenas os rapazinhos mais interessantes “do mercado”, aqueles que a gente trazia debaixo de olho. E nem sempre era fácil! Mas geralmente conseguíamos.

Recorda-me também as festas de finalistas do liceu. Começavam por ter uma banda das nossas a tocar. Recordo os “Psico”, os “Pop Five Music Incorporated”, “Os trabalhadores do Comércio” e outros e acabavam com música anglo-saxónica, da mais actual, dos recentíssimos LPs.

À volta do ginásio, onde eram as festas, havia mesas onde algumas mães protagonizavam autênticos prodígios de movimentos oculares, no intuito de conseguirem controlar todas as meninas que levavam a seu cargo.
Mas dávamos-lhe cá umas voltas!!!

Mas isto foi uma época bem vivida. É certo que para os padrões de hoje, éramos uns “betinhos”, mas na época estávamos na crista da onda!

Se têm dúvidas dêem uma vistinha de olhos à letra...

"Satisfaction (I can't get no)"

(m. jagger/k. richards)

I can't get no satisfaction
I can't get no satisfaction
'cause i try and i try and i try and i try
I can't get no, i can't get no

When i'm drivin' in my car
And that man comes on the radio
He's tellin' me more and more
About some useless information
Supposed to fire my imagination
I can't get no, oh no no no
Hey hey hey, that's what i say

I can't get no satisfaction
I can't get no satisfaction
'cause i try and i try and i try and i try
I can't get no, i can't get no

When i'm watchin' my tv
And that man comes on to tell me
How white my shirts can be
But he can't be a man 'cause he doesn't smoke
The same cigarrettes as me
I can't get no, oh no no no
Hey hey hey, that's what i say

I can't get no satisfaction
I can't get no girl reaction
'cause i try and i try and i try and i try
I can't get no, i can't get no

When i'm ridin' round the world
And i'm doin' this and i'm signing that
And i'm tryin' to make some girl
Who tells me baby better come back later next week
'cause you see i'm on losing streak
I can't get no, oh no no no
Hey hey hey, that's what i say

I can't get no, i can't get no
I can't get no satisfaction
No satisfaction, no satisfaction, no satisfaction

4 comentários:

antonio - o implume disse...

Hoje temos o MSN...

BlueVelvet disse...

Se estávamos. E ainda não apareceu outro com boca mais sexy:)
Beijinhos

Donagata disse...

Ora aí está uma verdade irrefutável!

Blue velvet.

Donagata disse...

António, comparar os bailes de garagem (que certamente não conheceu) e as festas de fim de curso com as suas idiossincrasias inerentes à época, ou os "quase eternos" Rolling Stones ao MSN é digno de uma imaginação mesmo muito fértil!

Vá em frente! dedique-se aos livros!