segunda-feira, 3 de maio de 2010

Cliché


(Imagem de Louis Wain)

Felicidade.

Algo que tantos buscam

e tão invulgarmente se “vê”..

Tão versejada, tão procurada,

tão raramente vislumbrada.

É uma banalidade, um cliché.


Porém,

olhando o verde do jardim

brilhando ao toque dos suaves raios matinais.

Observando o atrevido deambular

dos negros melros, enquanto soltam árias de encantar.

O arrulhar das rolas bravas.

O preguiçar dengoso dos gatos.

As pétalas de cetim branco das flores das laranjeiras

que soltam fragrâncias insuspeitadas…


Sob pena de insistir no tal cliché

atrevo-me a dizer que são de felicidade

os momentos que vivo

quando sinto o que daqui se vê.

3 comentários:

Moon disse...

Claro que é felicidade!

pin gente disse...

cada vez mais gosto de aqui entrar e encontrar esta tua etiqueta!

gosto!

beijos

Donagata disse...

Obrigada a ambas.

beijos.