sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Mais uma vez, vamos suar poesia...


Depois do lançamento do seu livro "Poemas Suados a Negro", Adrião de Abreu Pereira da Cunha, volta ao contacto com o público desta feita no Clube Literário do Porto, no próximo dia 28/Novembro pelas 16:00.

Aproveite a oportunidade, para tomar contacto com esta obra (e seu respectivo autor) de uma escrita ímpar, excelentemente
ornamentada por obras da pintora Isabel Monteiro.

Com apresentação a cargo de Carlos Lopes da editora Edita-Me, contará ainda com a participação da diseur Celeste Pereira e do músico Miguel Motta (piano e voz).

Junte-se a nós e passe um fim de tarde diferente e agradável.

(Convite recebido por e-mail)

4 comentários:

susana disse...

Certo. Mais uma faltinha, não é dona maria gata? A água estraga o cabelo. De castigo também não vou dar aula. Humpf.

A.Teixeira disse...

Oh Celeste, já que o evento está com aparência de estar assim a puxar para o fino - e aqui não me estou a referir aqueles copos com cerveja fresca... - convirá rectificar que ele "contará ainda com a participação da diseuse Celeste Pereira" - é que "diseuse" é que é o feminino de "diseur"...
Acrescentar, por uma questão de coerência, "do musicien Miguel Motta", já será facultativo...

Donagata disse...

Pois, mas quem fez o convite não possui, infelizmente diga-se, as tuas carradas de erudição. Por outro lado, e porque dei conta do "diseur" tentei tirar as dúvidas e, aparentemente, em gíria de poetas, utiliza-se uniformemente para os dois géneros (tal como poeta em relação às mulheres que escrevem poesia mesmo existindo poetisa). Embora eu preferisse diseuse até porque tem uma conotação de premonitora.... (bruxa, vá!)

A.Teixeira disse...

É uma pena que eu e o meu dicionário não conheçamos essa gíria de poetas de que falas, não frequentemos esse ambiente cultural "rive gauche".