domingo, 21 de setembro de 2008

Livros de férias IV "Qualquer coisa de bom" de Sveva Casati Mondignani


Mais um romance da autora e, mais uma vez, encontro personagens algo estereotipadas e um enredo permanentemente dentro de um registo muito semelhante (pelo menos no que concerne aos títulos que li da autora).

Sempre do género “Gata Borralheira” ou “Bela Adormecida”, em que a “heroína”, pobrezinha mas repleta de qualidades de nobreza moral, bonita, claro, após alguns infortúnios que arrosta com o maior dos altruísmos e uma generosidade à prova de tudo, lá acaba por vir a ser recompensada (muito bem, devo dizer).

Encontra o seu príncipe encantado, um arraso de homem, daqueles que só existem aqui, e ainda o pote das moedas de ouro.

Contudo, dada a fluidez da escrita e à forma agradável como expõe o enredo, é um livro que entretém e não “deseduca”.

3 comentários:

Alda M. Maia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alda M. Maia disse...

Ou do género de Madame Delly.
Se quer que lhe diga, tornaria a ler com mais interesse e agrado "Gata Borralheira" que ler pela primeira vez a Casati Modignani.
Continuação de uma boa semana.
Alda.

PS.
sou eu a autora do comentário eliminado, que me saiu "torto".

Donagata disse...

Pois, Madame Delly, que eu já havia até esquecido. Eu li alguns muito novinha pois existiam lá em casa, creio que da minha mãe, ou da minha tia.
Eu também prefiro a gata borralheira...

Beijos. Uma boa semana.