quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Não gosto do Outono

("Outono nos jardins do Palácio de Cristal" fotografia de Carlos Romão)

Não gosto do Outono.

Pelo destempero do tempo

que balança hesitante

entre os últimos calores de verão

e o vento cortante

que tudo arrasta

em revolutas estonteantes e frias.

Pela chuva que nos fustiga

deixando um brilho sinistro no chão

e um ar triste em quem passa.


Detesto o Outono!

Pelas folhas mortas que inundam as ruas

despindo as árvores,

deixando-as vulneráveis e tristes.

Pela luz que se vai tornado

cada vez mais exangue e desmaiada,

revestindo tudo de uma patine cinzenta, enevoada.


Porém, gosto do Outono.

Pelas tardes de calor que me fazem lembrar o Verão.

Pelo bailado das folhas levadas pelo vento,

que nos empurra, que nos gela,

e nos obriga a correr, a fugir dele sem tento.


Adoro o Outono!

Pelas cores com que se veste o horizonte,

com que se pintam as nuvens,

que espalha, generoso, o pôr-do-sol,

que adquirem as águas do mar.

Pelos matizes que tomam as folhas nas árvores.

Aquele vermelho, o laranja, o amarelo, o castanho…

aquela orgia de tons intensos e vivos.

E contudo, a pronunciar a morte…

Pelos ouriços que se espalham pelo chão

e se arreganham indulgentes

soltando as castanhas luzidias da sua prisão.

Pelo cheiro delas quando assadas

e pelo prazer de as comer,

tirando-as uma a uma, queimando a mão,

de um cartucho de jornal, enquanto quentes.


Afinal, acho que resisto ao Outono.

11 comentários:

Anónimo disse...

Ola Sra Donagata :)
Sabe , enquanto lia este Texto senti diversas coisas , senti frio , senti calor ... Senti tristeza e senti felicidade !...
Mas o q me Marcou foram mesmo as Castanhas ...
Ha bem pouco tempo tive a Felicidade de Dividir um Cartuxo de Castanhas com a Mulher q Nasci para AMAR !!!
E Acredite , Só Deus sabe como AMEI aquelas Castanhas !!!
Só Deus Sabe :)


Aproveito para lhe dizer q ADORO passar por aqui :)

Beijo , Anibal Borges .

Donagata disse...

Obrigada Anibal, anima-me sempre quando passa por aqui. Já agora, eu também adoro partilhar um cartuxo de castanhas com o homem da minha vida...
Beijo

nuvem disse...

Eu gosto do Outono... E adoro passear pelas ruas frias, aquecida por um cartuxo de castanhas assadas e pelo sorriso do coração :)

Beijinhos

Clara B disse...

Gosto do Outono, em especial pela nostalgia das noites frias, pelas folhas mortas que esvoaçam e enfeitam o chão,pelas saudades que deixa o Verão, e claro, pelo cheiro de castanhas que inunda o ar, ah, e pela jeropiga. No Outono, estação de mutação, tudo parece morrer, um fim necessário,... para depois renascer.
um beijo

BlueVelvet disse...

Não gosto do Outono.Ainda hoje publiquei um post sobre isso, mas adorei o seu poema.
Está uma beleza.
Beijinhos e bom fim-de-semana

Arménia Baptista disse...

...Ó Donagata, mas o Outono tem tanta beleza.... se assim não fosse, não dava origem a um poema bonito!:)
Parabéns

Donagata disse...

Obrigada Arménia, pela visita e pelo comentário tão agradável. Eu também não digo que o outono só tem coisa más! Só que é uma altura do ano que me deixa um pouco nostálgica.
beijos.

susana disse...

eu detesto é o inverno...

Donagata disse...

Eu também. Embora, pontualmente, haja, no Inverno momentos muito aconchegantes...
Beijos

susana disse...

Certo, certo! As lareiras!!!!!!!!!!!!!

Donagata disse...

Pois, as lareiras....